BH + 55 31 2531.7774
BH + 55 31 2531.7774
SMARTalk



JUL 16

5 tipos de vídeos de produto que te ajudam a vender mais

By Marketing | 16 de julho de 2018 | Guest Post

vídeo de produto

Em sua pesquisa anual de marketing, realizada em dezembro de 2017 e publicada no início de 2018, a Wyzowl revelou que 95% das pessoas assistiram vídeos de produto ou serviço para entender melhor sobre o que estava sendo ofertado.

Entregar vídeos de produto para o cliente pode impactar positivamente nas vendas da empresa, pois já é uma realidade que o consumo de vídeo na internet tem crescido exponencialmente nos últimos anos.

Esse aumento se deve, principalmente, a um fator neurológico: nosso cérebro processa o conteúdo audiovisual de forma rápida e com um volume maior de informações quando assistimos a um vídeo, afinal diversas áreas cognitivas e sensoriais estão sendo trabalhadas. De acordo com os dados divulgados pela WorldStream, os usuários chegam a reter até 95% das informações de um vídeo e apenas 10% de um texto.  

Com tantas comprovações dos benefícios de investir em vídeos de produto, não há dúvidas de que esse tipo de conteúdo pode ser efetivo para a sua marca, não é mesmo?

Neste artigo, você vai conhecer 5 tipos de vídeos de produto que vão te ajudar a vender mais. Confira agora!

O que são vídeos de produto e por que investir

Os vídeos de produto são todos os formatos de conteúdo audiovisual que têm como objetivo mostrar, explicar ou tirar dúvidas sobre um produto ou serviço da marca. Com esse tipo de material a empresa pode desenvolver campanhas em redes sociais, com influenciadores, utilizar em seus canais de atendimento e até em eventos.

As possibilidades são diversas e os benefícios são inúmeros. O principal é a facilidade de se comunicar com o cliente, mostrar as características do produto e ainda conseguir converter as visualizações do conteúdo em vendas.

A Forbes divulgou alguns dados em 2017, onde afirma que para 90% dos usuários os vídeos de produto ajudam na decisão da compra.  

Tipos de vídeos de produto que fazem sucesso

A criação de vídeos de produto pode ser feita de diversas formas. As características de cada empresa e cada produto vão ajudar a orientar durante o planejamento e o desenvolvimento do conteúdo. Apesar de não ter uma receita padrão, que todas as empresas podem se orientar e seguir, algumas dicas vão ajudar.

Conhecer todos os tipos de vídeos de produto é uma delas. Com esse conhecimento ficará mais fácil para a marca criar conteúdos exclusivos e diferenciados para atrair novos clientes e fidelizar os antigos. Veja a seguir quais são os principais tipos de vídeos de produto:

Vídeo tutorial

O vídeo tutorial são conteúdos de passo a passo para fazer algo. Existem diversos tipos de vídeos de tutorial, desde receitas, até maquiagens, marcenaria e construção. Com a ascensão das plataformas de vídeo é possível encontrar tutoriais dos mais variados tipos.

Quem busca por um conteúdo como esse, primeiramente, não está interessado em comprar um produto, mas durante o processo de pesquisa do tutorial ou ao resolver tentar fazer, pode ser que o usuário perceba que não é tão simples, não terá tempo ou, simplesmente, não tem interesse em colocar a mão na massa.

A empresa que produz tutoriais de seus produtos, mostra que ela quer ajudar o cliente de qualquer forma, mesmo que não venda nenhum produto. Isso cria um elo de confiança e uma moeda de troca com o usuário que verá valor naquelas informações. Quando ele decidir que, realmente, precisa comprar, vai procurar por essa empresa.

Vídeo demonstrativo

O vídeo demonstrativo é a solução para quem quer explicar ao cliente, de forma clara, todas as características do produto. Por ser um conteúdo em vídeo, o cliente não vai apenas ter contato com a explicação, mas também poderá ver como o produto é.

Normalmente, quando queremos comprar um produto, principalmente pela internet, o que vemos é uma descrição com as características do item, mas essas informações, além de não serem nada dinâmicas, não transmitem de forma clara como o produto pode ajudar ou solucionar o nosso problema.

O vídeo de produto demonstrativo vai mostrar seus detalhes, como ele funciona, suas características, formas de uso etc. Existe um dado, divulgado pela Animoto, que revela que os clientes preferem 4x mais ver um vídeo demonstrativo sobre um produto do que ler suas instruções ou textos descritivos.

Unboxing

O Unboxing é uma palavra originária do inglês que significa desembalar uma caixa ou algo. Esse tipo de vídeo ficou muito comum entre os YouTubers, principalmente entre as contas mirins, onde crianças mostravam seus novos brinquedos (ou recebidos) sendo desembalados.

Para as empresas, uma das formas de criar conteúdo com esse tipo de vídeo é fazendo parcerias com outras marcas, com influenciadores ou blogs específicos, como os de tecnologia, por exemplo.

Diversos blogs e canais de tecnologia fazem unboxing quando a Apple lança um novo iPhone, esse tipo de vídeo também é muito comum de ser feito com tênis da Nike e da Adidas.

A marca também pode fazer um unboxing de seus próprios produtos, sempre que tiver um lançamento, por meio das redes sociais, é possível convidar os clientes para assistir um vídeo onde a última novidade da marca será revelada.

DIY

Os vídeos DIY – Do it Yourself – também conhecido como faça você mesmo, são um tipo de vídeo tutorial, porém é mais comum que ele seja utilizado para ajudar pessoas que querem fazer algum produto manual, como um item decorativo um presente, uma roupa, móvel etc.

O bacana desse tipo de vídeo é que nem sempre ele vai sugerir ao cliente como ele mesmo pode fazer o produto que a marca está vendendo, mas sim mostrar como ele pode usar o produto da marca em seus projetos DIY.

Por exemplo, uma marcenaria ou uma loja que vende parafusos e ferramentas, pode ensinar o usuário a criar um móvel ou um nicho, mas o cliente precisará comprar um tipo de madeira, um parafuso ou uma ferramenta específica que ela vende. Ao final ou na descrição do vídeo, a empresa lista os itens que foram usados, os valores de cada um e indica que a sua loja tem todos eles.

Vídeos comerciais

Como o próprio nome diz, esse vídeo tem um objetivo comercial que é vender um produto, conceito ou divulgar a marca, para aumentar seus resultados. Muito utilizado em anúncios na internet, ele costuma ter entre 30 e 60 segundos, destaca os pontos fortes do produto ou da marca e usa um tom de voz de venda.

Algumas pessoas costumam confundir o vídeo comercial com o vídeo institucional, mas eles são bem diferentes.

Com o vídeo institucional a marca consegue aumentar as vendas, gerar lembrança na mente do cliente, ter uma relação de proximidade com o ele, convencer e fechar vendas e contratos.

Dica bônus para fazer de qualquer vídeo um sucesso!

Antes de começar a criar qualquer vídeo e investir na divulgação, a empresa precisa ter a persona bem definida. É a persona que vai orientar a empresa sobre qual o tipo de vídeo que conversa melhor com ela em qual etapa do funil de vendas.

Sem esse direcionamento, a empresa pode dedicar tempo e dinheiro em produções que não serão aproveitadas por seus clientes. Faça uma pesquisa com o seu cliente, defina métricas para analisar as ações e entender se os retornos estão sendo positivos.